Objetivo do curso: Na formação adequada de um psicoterapeuta existencial devem estar presentes a constante responsabilidade, a busca de desenvolvimento pessoal e o aprimoramento cada vez maior da sensibilidade, concomitantemente a um preparo teórico e técnico adequado. O objetivo do Curso de Formação é preparar alunos ( a partir do quarto ano) e psicólogos para atuarem na clínica psicológica. Diferente do que tem existido no mercado, este curso tem como finalidade básica o desenvolvimento do auto-conhecimento apoiado na máxima de que para ser um terapeuta é necessário primeiro ser uma pessoa. O curso prioriza o estilo individual de cada componente e, através de vivências, provoca o confronto do individuo consigo mesmo ( "O olhar do outro nos remete ao nosso próprio olhar", de acordo com Sartre). Sendo assim, o número de participantes no curso é limitado para que aspecto pedagógico e o auto-desenvolvimento possam ser valorizados. Nas palavras do mestre Bornheim, "Porque tudo é pedagogia....Tereza Cristina Erthal parece basear-se na convicção de que não apenas a terapia cura e educa, mas também que neste processo todo faz-se necessária a presença do outro".(1992)

Coordenação do curso: Tereza Erthal 
Assistentes de curso: Juliana Mayerhoffer, Beatriz Wolny, Daniela Martins, Luis Verissimo, Maria das Graças Martins dos Santos.
Duração do Curso: Nosso curso é oferecido às quartas, um de 18:00 as 19:30 e outro de 19:30 às 21:00.
O Curso de Formação tem a duração de dois anos e se apresenta em quatro fases: estudo da filosofia existencial; estudo da psicologia existencial; estudo da teoria da prática psicoterápica e a prática clínica propriamente dita.
As duas primeiras fases destinam-se a contemplar a base teórica necessária à compreensão do ser humano.
A terceira fase é pré-pratica e destina-se a treinar os iniciantes no método fenomenológico e nas atitudes básicas que este deve desenvolver (como a escuta terapêutica e o domínio de habilidades especificas).
A última etapa é composta de supervisão filmada ou dramatizada inicialmente, e depois o estudo de casos reais. A supervisão é a maneira de avaliar, corrigir e refletir sobre a experiência.

Assim, o primeiro ano é teórico e vivencial. A filosofia existencialista, com seus autores diversos, é apresentada, assim como temas pertinentes ao exercício clínico. Os membros do grupo ao vivenciarem algumas técnicas, tem a possibilidade de ao descobrirem, podendo então emprega-las para ajudar os seus futuros clientes no processo terapêutico. O segundo ano do curso é dedicado ao treinamento propriamente dito.

Cada etapa do curso tem uma avaliação do desenvolvimento do iniciante para verificar aonde uma maior atenção deve ser focalizada. O objetivo é fazer o jovem psicoterapeuta chegar à compreensão do comportamento de outrem. A supervisão lapidará esse conhecimento aumentando ainda mais sua capacidade empática.

No fim do treinamento, o jovem psicoterapeuta é estimulado a se lançar e a desenvolver de forma autônoma a sua prática clinica. Agora ele é uma pessoa em desenvolvimento que provavelmente ajudará a outros a serem espontaneamente pessoas.

No final do curso é fornecido um certificado e uma Carteira de Especialista em Psicoterapia Vivencial aos alunos que obtiverem um rendimento acima da média e 150h de supervisão clínica.
Pré-requisito: Alunos de Psicologia a partir do quarto ano e psicólogos.
Para maiores informações entre em contato pelo telefone: (21) 2512 1364
Obs.: Não cobramos taxa de inscrição e os pagamentos são feitos no inicio de cada mês.
© 2012 TEREZA ERTHAL